Mulheres Influentes do Oriente Médio

________________________

10 março, 2017

________________________


Olá Pessoal, a postagem de hoje será fruto de uma blogagem coletiva da fanpage Blogueiras Iniciantes, cujo objetivo é abordar o universo feminino.
Como vocês sabem o Brasarábias tem como foco assuntos relacionados ao Oriente Médio, e este tem sido motivo para algumas pessoas desinformadas perderem o seu tempo me enviando mensagens com os seguintes dizeres: "Você não pode falar sobre as mulheres do Oriente Médio, elas sofrem, são prisioneiras, não podem trabalhar e todas vivem dessa forma".
 Pois bem, vamos por parte, em primeiro lugar quero deixar bem claro que esta postagem não está se omitindo a realidade de muitas mulheres do Oriente Médio, que em algumas áreas são vítimas da guerra, da falta de oportunidade e em alguns casos discriminadas pelo fato de ser mulher.
Em contramão das estatísticas e de um grande número de pessoas que pensam igual ao anônimo da mensagem, vamos conhecer na postagem de hoje mulheres batalhadoras, trabalhadoras e de sucesso no Oriente Médio.
A revista Forbes divulgou uma lista com 100 nomes de mulheres empresárias Árabes de Sucesso, e para a postagem não ficar muito longa vamos conhecer apenas algumas, na esperança que este número se multiplique e que cada vez mais outras possam surgir, e a exemplo destas grandes mulheres também consigam conquistar o seu espaço.


Lubna S. Olayan


Lubna S. Olayan é diretora Executiva da empresa Olayn Financing Company na Arábia Saudita.

2º  Sheikha Lubna Khalid Sultan Al Qasimi


Sheikha Lubna Khalid Sultan Al Qasimi é Ministra do Estado da Tolerância nos Emirados Árabes Unidos e a primeira mulher a ocupar um cargo ministerial.

3º  Raja Easa Al Gurg 

Raja Al Gurg é diretora executiva do Grupo Easa Saleh Al Gurg e também membro do conselho da Associação de mulheres de Dubai.


* As imagens contidas na postagem são de reprodução da Internet.

26 comentários:

  1. Realmente essa visão de que as mulheres do Oriente médio não podiam nada tem que mudar! Sim elas podem!! Parabéns pelo seu post, maravilhoso !!! ♥

    ResponderExcluir
  2. Muito Legal o Post!Parabéns Pelo Blog

    ResponderExcluir
  3. Que interessante seu blog, gostei muito do post!! Parabéns

    ResponderExcluir
  4. Muitas dessas mulheres não podem tirar as burcas, não tem direito nenhum de escolhas . Uma triste realidade.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Infelizmente alguns lugares são muito difíceis para as mulheres :(
      Obrigada pelo comentário <3

      Excluir
  5. É um simplesmente amei, um tapa na sociedade preconceituosa! Parabéns matéria excelente.

    ResponderExcluir
  6. Eu realmente não conhecia esse lado do oriente médio! Que incrível saber um pouquinho mais sobre isso! A nossa luta é diária! Parabéns para nós!

    ResponderExcluir
  7. Eu estou simplesmente apaixonada pelo seu blog, essa postagem me ganhou.
    Adorei conhecer e saber um pouco dessas mulheres.
    Parabéns

    ResponderExcluir
  8. Tai um blog com tema diferente! Amei essa postagem, mulheres do oriente medio são como qualquer outra. O que muda é a cultura e a distância. Mas são tao forte como nós do ocidente!
    Beijos, Gi.
    Blog About Girls

    ResponderExcluir
  9. É triste essa visão que nós (me coloco como a maioria das pessoas) temos das mulheres árabes, né? Mas infelizmente só tomamos conhecimento do que a mídia quer falar, então acabamos ficando presas àquilo.
    Gostei muito de conhecer essas três mulheres lindas e poderosas! Que esse número de mulheres assim cresça.
    Beijosss <3

    www.madamices.com

    ResponderExcluir
  10. Adorei o tema do blog seu blog, bem diferente. Foi muito legal conhecer essas mulheres ❤ um beijoo

    ResponderExcluir
  11. Confesso que sou dessas leigas que acha que as mulheres lá só sofrem.
    Muito legal saber que existe essa lista das 100 mulheres influentes do Oriente Médio, jamais iria imaginar que isso seria possível.
    Acompanhando seu blog para aprender um pouco mais!

    ResponderExcluir
  12. Que legal conhecer mulheres que vivem num local com tanta desigualdade e conseguiram superar e serem bem sucedidas. Tenho certeza que essas e muitas outras são um exemplo para as mulheres árabes. Beijinhos

    ResponderExcluir
  13. Que abordagem diferente... parabéns!
    Há mulheres exemplo em qualquer lugar do mundo! ☺️
    👏🏽👏🏽👏🏽
    Beijos

    ResponderExcluir