Halwa Omani

________________________

10 março, 2019

________________________
Olá pessoal, na postagem de hoje vamos conhecer um doce típico do Sultanato de Omã, o Halwa.
O Halwa é um doce Omani tradicional e pode ser servido em diversas ocasiões ou ainda ser encontrado nas lojas em Muscat (capital de Omã).

O preparo do doce é feito em uma grande panela e é necessário ficar mexendo até dar a consistência. Água de rosas, nozes, açafrão e cardamomo são alguns dos ingredientes usados na preparação do Halwa.
Parece ser delicioso!
Anota aí... Quando for a Omã não esquece de passar no mercado da cidade e comprar um delicioso Halwa para saborear a culinária local.

(Photos: reprodução/internet)

Conhecendo um pouco sobre o Kuwait

________________________

18 fevereiro, 2019

________________________

Olá pessoal como estão? Espero que estejam bem.
Esta é a primeira postagem do ano de 2019 aqui no blog e eu estou muito feliz em poder vir aqui compartilhar mais uma postagem com todos vocês, hoje vamos conhecer um pouco sobre o Kuwait.
O Kuwait fica localizado na costa noroeste do Golfo Pérsico e faz fronteira ao sul com a Arábia Saudita e ao norte com o Iraque.
 O idioma oficial do país é o árabe e a sua população de aproximadamente 4 milhões de habitantes.
A moeda usada no Kuwait é o Dinar Kuwaitiano e a economia considerada uma das mais ricas do mundo.
O país possui alguns pontos turísticos que são imperdíveis para quem estiver visitando o país, vamos conhecer alguns?

Kuwait Towers 
O Kuwait Towers é um dos principais pontos turísticos e foi construído em 1979.


The Avenues Mall
O Avenues Mall é o maior shopping do Kuwait e o segundo maior do Oriente Médio, repleto de lojas e entretenimento para os visitantes.


Espero que tenham gostado de conhecer um pouco sobre o Kuwait, até a próxima!

*Photos (reprodução/internet)


O que comem os Camelos (Dromedários)?

________________________

12 dezembro, 2018

________________________

Olá pessoal!
Na postagem de hoje vamos conhecer um pouco sobre os camelos, ou melhor, a alimentação deles.
A alimentação dos Camelos é composta basicamente da vegetação do deserto, plantas espinhosas, ervas e folhagens.
Por ser um animal típico de regiões quentes o dromedário pode passar duas semanas ou mais sem se alimentar, a corcova é capaz de armazenar os nutrientes necessários para garantir sua sobrevivência no clima quente do deserto.
O interior da boca de um camelo é formado por um grosso revestimento que permite que ele coma até mesmo cactos sem se machucar.
De forma resumida, podemos entender porque o camelo é considerado um animal respeitado, um sobrevivente que pode adaptar-se a várias temperaturas e lugares.
Camelos... como não amá-los ? 💓


Sessão das Arábias no Netflix: A Ganha-pão

________________________

04 novembro, 2018

________________________

Olá pessoal, como estão? Hoje vamos acrescentar mais uma indicação a nossa galeria de filmes escolhidos para compartilhar com vocês: A Ganha-pão.
O filme conta a história de uma garota chamada Parvana e sua família. 
O pai de Parvana é preso injustamente e ela precisa se vestir como menino para poder sobreviver e garantir o sustento de seus familiares.
Um filme emocionante e que está disponível no Netflix, vale a pena assistir! Boa Sessão.


Aprendendo Árabe Sozinha - Minha 1º Lição

________________________

06 setembro, 2018

________________________
Olá pessoal, quanto tempo hein? Espero que estejam bem.
Resolvi compartilhar com vocês um pouco da minha experiência ao tentar aprender árabe sozinha, é quase uma missão "impossível", estou tentando sempre que posso.
 Conheço muitas palavras e frases em árabe, logo me senti desafiada a partir para escrita.
De início sinto dificuldade, por ser algo novo e uma nova forma de escrever não estou tendo muito êxito, sabe uma criança tentando aprender as primeiras letras do alfabeto, sou eu respondendo as minhas primeiras atividades (hahahahaha).
Aprender árabe foi uma escolha que fiz por dois motivos: o primeiro porque tenho um blog sobre a cultura árabe, nada mais justo do que aprender a língua nativa do povo que tenho tanto carinho e respeito, o segundo motivo é para o meu enriquecimento intelectual, acredito que o saber é algo seu e ninguém pode tirar de você depois que você o adquiri.
Antes de compartilhar a foto, um lembrete: Pessoas fluentes em árabe não riam de mim, estou iniciando o meu aprendizado e a intenção é que a minha caligrafia melhore (hahahaha).
Aí gente, que vergonha! Abaixo segue a foto da minha 1º lição, aos poucos vou compartilhando com vocês o meu desempenho e espero sinceramente ser bem melhor na próxima postagem.
Me desejem sorte!