Pular para o conteúdo principal

Uma das cidades mais antigas do mundo - Damasco

                                                                                           Foto: reprodução/Pinterest     
                                                                        

Olá pessoal, como vocês estão? Espero que estejam bem.

Hoje vamos falar um pouco sobre Damasco, a capital da Síria. 

Abordaremos o seu contexto histórico e como a cidade já foi próspera no seu passado, esta postagem fará parte de um projeto que estamos iniciando sobre alguns países do Oriente Médio, mostraremos como eram estes lugares  antes dos conflitos e disputas causados pela guerra. 

Importante ressaltar que o nosso intuito é mostrar que os lugares que serão abordados possuem um rico passado histórico e que nem sempre ao longo da sua trajetória foram local de total destruição e caos.

Damasco foi fundada no terceiro milênio aC e é uma das cidades mais antigas ainda habitadas do Oriente Médio, possui muitos sítios arqueológicos que incluem igrejas históricas e mesquitas.

Ao longo da história Damasco foi ocupada e disputada por diferentes civilizações, entre elas estão os arameus, os assírios, os romanos, os gregos, os nabateus, os mongóis, os turcos e os franceses.

Damasco foi uma importante cidade no passado em grande parte porque ficava localizada entre África, Europa e Ásia. 

A cidade possui aproximadamente cerca de 125 monumentos que relatam diferentes períodos da sua história, um dos mais conhecidos é a Grande Mesquita dos Umayyads, do século VIII. 

Na época medieval a cidade foi centro de uma florescente indústria artesanal com diversas zonas na cidade que eram especializadas em vários ofícios e artesanatos.

Em 1979 o centro da cidade rodeado por muralha da época romana foi declarado Patrimônio da Humanidade pela UNESCO, e em 2013 a UNESCO incluiu todos os sítios arqueológicos sírios na lista de Patrimônio Mundial em Perigo por causa dos conflitos da guerra na Síria. 


Fontes

https://whc.unesco.org/en/list/20/

https://www.ancient-origins.net/ancient-places-asia/damascus-ancient-city-was-fought-over-numerous-civilizations-facing-its-biggest-020698

https://www.wdl.org/pt/item/2650/

https://escola.britannica.com.br/artigo/Damasco/481106

https://en.wikipedia.org/wiki/Ancient_City_of_Damascus

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

TOP 10 palavras árabes românticas

Olá pessoal, Em homenagem ao dia dos namorados resolvi fazer um TOP 10 de algumas palavras românticas árabes para você surpreender o seu habibi. Espero que gostem!                                                                                   ( Imagem: Pinterest) 1º Maktub Sim! esta palavra teria que liderar este ranking, afinal, Maktub significa já estava escrito. 2º Albi Maak Meu coração está com você 3º Ayuni Meus olhos 4º Ufakkeru Feek Eu penso em você 5º Fadaituk Eu dou a minha vida para você 6º Qalbi Meu Coração 7º Roohi Minha alma 8º Habibi Meu amor 9º Ashtaqu Elaik Eu sinto sua falta 10º Uhibbuka Eu amo você

Instrumentos da Música Árabe

  Olá pessoal, tudo bem? A música árabe é um encanto de ouvir mesmo sem entender o que se está dizendo né?.  Eu sou meio suspeita pra falar porque ouço diariamente músicas árabes, a minha busca por músicas e bandas do Oriente Médio me levaram a procurar informações sobre alguns instrumentos musicais que ecoam estas lindas melodias e canções. Portanto, na postagem de hoje vamos mergulhar neste universo musical das arábias. Oud (alaúde) O Oud é um instrumento da família dos cordofones e uma das suas características principais é o seu formato, que lembra uma pêra ou até mesmo uma gota. Kanun ou Qanun O Kanun é um instrumento de cordas e o seu nome deriva da palavra árabe Qanun , que significa regra, lei, norma, princípio . Mijwiz O Mijwiz é um instrumento de sopro e o seu nome em árabe significa duplo ou ainda casal. Mizmar O Mizmar é um instrumento de sopro e geralmente é tocado acompanhado por algum instrumento de percussão. Derbak O Derbak é

Vestimenta dos Habibs- Traje árabe masculino

Olá, E o post de hoje é para matar uma curiosidade que eu sempre tive, e que talvez você tenha quando o assunto for a roupa árabe masculina. Eu ficava me perguntando como é que eles aguentavam usar aquelas roupas quentes naquele calor que faz no deserto, se elas tinham algum significado específico ou se era um padrão para todos usá-la, então, deixei as dúvidas de lado e resolvi ir em busca de respostas. As roupas usadas pelos árabes, são muito semelhantes as que eram usadas por beduínos por volta do século VI, o traje que para muitos é usado como padrão por todos os muçulmanos, na verdade, tem um significado religioso, e é também um meio de identificação da região a qual ele pertence. Como o mundo árabe abrange várias regiões e cada uma tem a sua particularidade, o post ficaria muito longo caso fosse falar sobre cada um deles, então, para não ficar muito cansativo, falarei sobre um tipo e os demais estarão ilustrados no final do post para que possamos melhor conhecer. Cafia - é aqu